A avaliação do livro didático como tema da formação inicial do professor de língua portuguesa

Adair Bonini, Daniella de Cássia Yano

Resumo


Na atual conjuntura de disponibilidade e uso do livro didático na rede básica de ensino, cabe aos cursos de formação inicial de professores dar alicerce a uma avaliação e uso mais crítico desse recurso. Este trabalho objetiva contribuir com reflexões sobre o processo de escolha dos livros didáticos de língua portuguesa de ensino médio nas escolas, verificar o quanto o questionário do PNLD/2018 viabiliza essa dinâmica e pensar como esse tema pode ser tratado na formação inicial de professores. Com o intuito de fomentar discussões nos cursos de licenciatura e auxiliar o futuro docente na avaliação e bom uso do material, este ensaio ainda sugere um quadro com questões que envolvem o conteúdo basilar de língua portuguesa e a realidade da prática de sala de aula.


Palavras-chave


Livro didático. Formação docente. Língua portuguesa.

Texto completo:

PDF

Referências


ANTUNES, C. O uso inteligente dos livros didáticos e paradidáticos. São Paulo: Paulus, 2012.

BATISTA, A. C. G. Recomendações para uma política do livro didático. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Fundamental, 2001.

BONINI. A. O jornal escolar como mídia contra-hegemônica – jornalismo de escola não modelado pelo jornalismo comercial dominante. Linguagem em (Dis)curso – LemD, Tubarão, SC, v. 17, n. 2, p. 165-182, maio/ago. 2017.

BONINI. A. Jornal escolar: gêneros e letramento midiático no ensino-aprendizagem de linguagem. RBLA, Belo Horizonte, v. 11, n. 1, p. 149-175, 2011.

BRASIL. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Programas / PNLD / Histórico. Disponível em: . Acesso em: 27 set. 2017.

BRASIL. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). PNLD / Dados estatísticos. Disponível em: . Acesso em: 1 maio, 2017a.

BRASIL. Ministério da Educação. Assessoria de comunicação social. Livro didático. Escolha dos livros aprovados pelo PNLD 2018 começa dia 21. Disponível em: . Acesso em 1 out. 2017b.

BRASIL. Ministério da Educação. PNLD 2018: língua portuguesa – guia de livros didáticos – Ensino Médio/ Ministério da Educação – Secretária de Educação Básica – SEB – Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. Brasília, DF: Ministério da Educação, Secretária de Educação Básica, 2017c.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP n.02/2015, de 1º de julho de 2015. Brasília, Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, seção 1, n. 124, p. 8-12, 02 de julho de 2015.

BRASIL. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Edital PNLD 2018. Edital de convocação 04/2015 – CGPLI. 2015a. Disponível em: . Acesso em: 6 out. 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão. Conselho Nacional da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília: MEC, SEB, DICEI, 2013.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Introdução aos parâmetros curriculares nacionais. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC/SEF, 1997.

BRASIL. [Lei Darcy Ribeiro (1996)]. LDB nacional [recurso eletrônico]: Lei de diretrizes e bases da educação nacional: Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. – 11. ed. – Brasília: Câmara dos Deputados, Edições Câmara, 2015. – (Série legislação; n. 159). 1996.

BRASIL. Decreto-lei nº 8.060, de 26 de Dezembro de 1945. Consolida a legislação sobre as condições de produção, importação e utilização do livro didático. Disponível em: . Acesso em: 9 nov. 2017.

BRASIL. Decreto-Lei nº 1.006, de 30 de Dezembro de 1938. Estabelece as condições de produção, importação e utilização do livro didático. Disponível em: . Acesso em: 9 nov. 2017.

CASSIANO, C. C. de F. O mercado do livro didático no Brasil: da criação do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) à entrada do capital internacional espanhol (1985-2007). 2007. 252 f. Tese (Doutorado em Educação) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

CORACINI, M. J. R F. Interpretação, autoria e legitimação do livro didático. Campinas: Pontes, 1999.

DIONÍSIO, Â. P.; BEZERRA, M. A. (Orgs.). O livro didático de português: múltiplos olhares. 2. ed. Rio de Janeiro: Lucerna, 2003.

FARIA, A. L. G. de. Ideologia no livro didático. São Paulo: Atlas, 1998.

FREITAG, B.; MOTTA, V. R.; COSTA, V. F. O estado da arte do livro didático no Brasil. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP); Rede Latino-americana de Informação e Documentação em Educação (REDUC): Brasília: 1987.

GERALDI, J. W. (org.) O texto na sala de aula. 3. ed. São Paulo: Ed. Ática, 2003.

GERALDI, J. W. Portos de Passagem. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1997.

KLEIMAN, Ângela B. Letramento e suas implicações para o ensino de língua materna. Signo, Santa Cruz do Sul, RS, v. 32, n. 53, p. 1-25, 2007. Disponível em: . Acesso em: 22 jan. 2018.

LAJOLO, M. Livro didático: um (quase) manual de usuário. Em Aberto, Brasília, ano 16, nº 69, jan/mar, 1996.

MUNAKATA, K. O livro didático como mercadoria. Pro-Posições. v. 23, nº 3 (69) set./dez. 2012. Disponível em: . Acesso em: 8 out. 2017.

MUNAKATA, K. Livro didático como indício da cultura escolar. Hist. Educ. (Online) Porto Alegre, v. 20, n. 50, set./dez., 2016. Disponível em: . Acesso em 1 out. 2017.

NOSELLA, M. de L. C. D. As belas mentiras: a ideologia subjacente aos textos didáticos. 5. ed. São Paulo: Moraes, 1981.

NÓVOA, António; VIEIRA, Pâmela. Um alfabeto da formação de professores. Crítica Educativa (Sorocaba/SP), v. 3, n. 2 - Especial, p. 21-49, jan./jun. 2017. Disponível em: . Acesso em: 6 out. 2017.

ROJO, R. H. R.; BATISTA, A. A. G. (Org.). Livro didático de Língua Portuguesa, letramento e cultura da escrita. Campinas: Mercado de Letras, 2003.




DOI: http://dx.doi.org/10.22168/2237-6321-21145

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Entrepalavras © 2012. Todos os direitos reservados.
Av. da Universidade, 2683, Benfica, CEP 60020-180, Fortaleza-CE | Fone: (85) 3366.7629
Creative Commons License
Entrepalavras (ISSN: 2237-6321) está licenciada sob Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0.