Pupỹkary tywy, takarena, ῖthu ykynypuku: meronímia e sua contribuição para o conhecimento e ensino da língua Apurinã (Aruák)

Marília Fernanda Pereira de Freitas, Sidney da Silva Facundes

Resumo


Este trabalho examina o fenômeno da meronímia em Apurinã, isto é, processos semânticos envolvidos na expressão das relações parte/todo (CRUSE, 2011), assim como a aplicação desse conhecimento na elaboração de um livro digital ilustrado, a ser usado como instrumento didático-pedagógico para o ensino e fortalecimento da língua. A maioria dos merônimos em Apurinã é codificada como nomes inalienáveis, que diferem dos alienáveis em termos de seus padrões de marcação morfossintática (FREITAS, 2017), muito embora haja merônimos que são codificados como alienáveis, tais como algumas partes de plantas, por exemplo, pi-txipuku-re (2sg-fruta-possd) ‘tua fruta’/ txipuku-ry (fruta-n.possd). Dentre os inalienáveis, as partes do corpo, por exemplo, ny-tapike (1sg-perna.de) ‘minha perna’/ tapike-txi (perna.de-n.possd) ‘perna’, formam não apenas uma classe semântica (juntamente com conceitos relacionados ao corpo, ainda que metaforicamente), mas apresentam características morfossintáticas específicas, já que recebem o sufixo -txi, diferindo dos termos de parentesco, que jamais recebem tal marca, pela impossibilidade de ocorrerem não possuídos. Isso mostra que, no macro-domínio semântico dos merônimos na língua, há uma organização complexa, embora sistemática, em termos de seus diferentes padrões de marcação morfossintática. Dada tal complexidade, é importante que se tenha esse conhecimento organizado em um material didático-pedagógico que possa auxiliar no ensino da língua nas escolas Apurinã.


Palavras-chave


Meronímia. Apurinã. Lexicografia.

Texto completo:

PDF

Referências


BRANDÃO, Ana Paula Barros. Dicionário de Fauna e Flora Apurinã. Belém, Pará: Universidade Federal do Pará, 2006 (Trabalho de Conclusão de Curso).

CRUSE, Alan. Meaning in Language: an introduction to Semantics and Pragmatics. 3rd edition. Oxford: Oxford University Pess, 2011.

FACUNDES, Sidney da Silva. Noun Categorization in Apurinã (Maipuran). Oregon, Eugene: University of Oregon (dissertação de mestrado), 1994.

FACUNDES, Sidney da Silva. Possession and Unpossession in Apurinã (Maipuran). In: LSA Parassession: Languages South of Rio Bravo. Nova Orleans. Conference Proceedings of LSA Parassession: Languages South of Rio Bravo, 1995.

FACUNDES, Sidney da Silva. The Language of The Apurinã People of Brazil (Maipure/Arawak). Nova York, Bufalo: Faculty of the Graduate School of State University of New York at Buffalo (Tese de Doutorado), 2000.

FACUNDES, Sidney da Silva. Notas sobre a Elaboração de Ortografias para Línguas sem Tradição Escrita. In: Célia Brito; Elizabeth Reis Teixeira. (Org.). Aquisição e Ensino e Aprendizagem do Português. 1ed. – Belém: EdiUFPA, 2002, pp. 27-36.

FACUNDES, Sidney da Silva; VIRTANEN, Pirjo Kristine; FREITAS, Marília Fernanda Pereira de; Lima-Padovani, Bruna Fernanda de; COSTA, Patrícia Nascimento. Language Revitalization and Engagements in the Amazon: The Case of Apurinã. In: Handbook of the Changing World Language Map.1 ed.Cham: Springer, 2019, v.1, p. 1-17.

FREITAS, Marília Fernanda Pereira de. A Posse em Apurinã: descrição de construções atributivas e predicativas em comparação com outras línguas Aruák. Belém: Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal do Pará (Tese de Doutorado), 2017.

FREITAS, Marília Fernanda Pereira de; FACUNDES, Sidney da Silva; BARROS, J. B. de; BENTES, I. K. B.; VIANA, J. R. C.; RIBEIRO, M. C.; BAÍA, P. P.; ENCARNAÇÃO, T. A. da; BARROS, T. C.; NASCIMENTO, P. do. Pupỹkary Tywy, Takarena, Ĩthu Ykynypuku: palavras para objetos, plantas, corpo e suas partes em Apurinã. 1ª ed. – Universidade Federal do Pará – Belém, Pará, 63 p. (no prelo).

KLEIN, Harriet E. Manelis. Meronymy or Part-Whole Relations in Indigenous Languages of Lowland South America. In: VOORT, Hein van der; KERKE, Simon van de (eds.). Indigenous Languages of Lowland South America [Indigenous Languages of Latin America, 1]. Leiden: Research School of Asian, African, and Amerindian Studies (CNWS), pp. 83-98, 2000. Disponível em: https://citeseerx.ist.psu.edu/viewdoc/ download?doi=10.1.1.454.1425&rep=rep1&type=pdf. Acesso em: 31 ago 2020.

LIMA-PADOVANI, Bruna Fernanda Soares de. Levantamento Sociolinguístico do Léxico Apurinã e sua Contribuição para o Conhecimento da Cultura e História Apurinã. Dissertação (Mestrado em Letras: Linguística e Teoria Literária) - Universidade Federal do Pará, 2016.

LIMA-PADOVANI, Bruna Fernanda Soares de. Estudo do Léxico da Língua Apurinã: uma proposta de macro e micro estrutura para o dicionário Apurinã. Belém: Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal do Pará (Tese de Doutorado), 2020.

PAYNE, David L. Classification of Maipuran (Arawakan) Languages Based on Shared Lexical Retentious. In: DERBYSHIRE, D. C.; PULLUM, G. K. Handbook of Amazonian Languages languages. [S.l.:s.n.], 1991, p. 355-499. v. 3.

PEREIRA, Érica Lúcia Barreto. Estudo das Variedades da Língua Apurinã. Dissertação (Mestrado em Letras: Lingüística e Teoria Literária) - Universidade Federal do Pará, 2007.

STASSEN, Leon. Predicative Possession. New York: Oxford University Press, 2009.




DOI: http://dx.doi.org/10.22168/2237-6321-10esp2073

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Entrepalavras © 2012. Todos os direitos reservados.
Av. da Universidade, 2683, Benfica, CEP 60020-180, Fortaleza-CE | Fone: (85) 3366.7629
Creative Commons License
Entrepalavras (ISSN: 2237-6321) está licenciada sob Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0.