Estudo metalexicográfico do Webster’s Encyclopedic Unabridged Dictionary of the English Language (1989)

Antônio Luciano Pontes, Emília Maria Peixoto Farias

Resumo


A metalexicografia brasileira tem desenvolvido importantes pesquisas relativas aos estudos críticos de produtos lexicográficos desde a década de 80. Dentre outros, destacam-se nesse campo os trabalhos de Biderman (1996; 2003), Finatto (2001a, 2001b), Welker (2004), Damim (2005), Humblé (2006). Dentro da perspectiva da Lexicografia inglesa, o objetivo deste artigo é descrever o conjunto de paradigmas que ordena a complexa e intricada rede de informações distribuídas no Webster’s Encyclopedic Unabridged Dictionary of the English Language (1989), doravante Webster´s (1989), o dicionário que se consolidou ao longo de sua história como um dos tesouros de referência da língua e da cultura inglesas desde o século XX.

Palavras-chave


Lexicografia; Metalexicografia; Dicionário de língua inglesa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22168/2237-6321.3.3.2%20esp.102-112

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Entrepalavras © 2012. Todos os direitos reservados.
Av. da Universidade, 2683, Benfica, CEP 60020-180, Fortaleza-CE | Fone: (85) 3366.7629
Creative Commons License
Entrepalavras (ISSN: 2237-6321) está licenciada sob Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0.