A saliência em anúncios publicitários: reflexões multimodais

Jammara Oliveira Vasconcelos de Sá, Lara Marques de Oliveira, Lucineide Matos Lopes

Resumo


Nosso trabalho tem como objetivo discutir sobre como a saliência contribui para os efeitos de sentidos na composição do anúncio publicitário. Orientadas pelos pressupostos da pesquisa qualitativa de cunho descritivista, selecionamos 10 anúncios da internet dos quais trazemos três para ilustrar nossas reflexões na análise. No que tange ao embasamento teórico, amparamo-nos nos estudos de Kress e van Leeuwen (2006) ao defendermos que, na sociedade contemporânea, várias semioses influenciam fortemente a produção de textos multimodais nos quais o verbal e o imagético articulam-se de forma integrada. Entre os sistemas propostos por Kress e van Leeuwen (2006), focamos nosso olhar nos aspectos pertinentes à saliência nos anúncios, assumindo-a como a maneira de chamar a atenção do leitor para um segmento do texto por meio dos elementos que são dispostos para atrair a atenção do espectador em diferentes graus, realizando-se através de certos fatores, tais como: o posicionamento em primeiro ou em segundo plano, o tamanho relativo, os contrastes quanto ao tom (ou à cor), diferenças quanto à nitidez, dentre outros elementos (KRESS; VAN LEEUWEN, 2006). A partir de nossa análise, podemos afirmar que, na articulação dos recursos que compõem o gênero anúncio, a manipulação do tamanho das imagens e o contraste ocasionado por essa manipulação de tamanhos, o uso das cores, o tamanho e o tipo da letra representaram um forte aspecto da saliência no gênero, atuando a serviço da persuasão no anúncio e funcionando como importante recurso na divulgação dos produtos.      

Palavras-chave


Anúncio publicitário; Sistemas; Saliência.

Texto completo:

PDF

Referências


GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projeto de pesquisa. 4ª ed. São Paulo: Editora S.A, 2002.

HALLIDAY, Michael. An introduction to functional grammar. Second Edition. London: Edward Arnold, 1994.

HALLIDAY, Michael; MATTHIESSEN, Christian. An introduction to functional grammar. 3ª. ed. London: Hodder Education, 2004.

KRESS, Gunther; VAN LEEUWEN, Theo. The meaning of composition. In: KRESS, Gunther; VAN LEEUWEN, Theo. Reading images: the grammar of visual design. London: Routledge, 2006. p. 174-214.

MOTTA-ROTH, Déssiré; HEBERLE, Viviane. O conceito de “estrutura potencial do gênero” de Ruqayia Hasan. In: MEURER, José Luis; BONINI, Adair; MOTTA-ROTH, Déssiré (orgs.). Gêneros, teorias, métodos, debates. 1ª. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2005.

PETERMANN, Juliana. Imagens na publicidade: significações e persuasão. UNIrevista, Vol. 1, n° 3, 2006. Disponível em:https://www.iar.unicamp.br/lab/luz/ld/Linguagem%20Visual/imagens_na_publicidade. Acesso em: 03 junho 2019.




DOI: http://dx.doi.org/10.22168/2237-6321-9esp1764

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Entrepalavras © 2012. Todos os direitos reservados.
Av. da Universidade, 2683, Benfica, CEP 60020-180, Fortaleza-CE | Fone: (85) 3366.7629
Creative Commons License
Entrepalavras (ISSN: 2237-6321) está licenciada sob Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0.